MEDIA CENTER

Polícia Marítima apoia tripulante de embarcação que naufragou junto à praia de Quarteira

20 FEV 2018 13:02

A Polícia Marítima de Faro recebeu, no passado dia 16 de fevereiro, cerca das 07h00, um alerta do COMAR (Centro de Operações Marítimas), dando conta de um acidente com uma embarcação que tinha virado junto à praia de Quarteira.

​Visto ter sido de imediato recebida também a informação que o único tripulante desta embarcação havia sido salvo por populares no local, não foi necessário empenhar meios das Estações Salva-vidas do Instituto de Socorros a Náufragos.  Foi empenhado o Piquete da Polícia Marítima, que se deslocou ao local onde constatou que, de facto, o único tripulante, com 68 anos de idade, tinha sido salvo por populares e que se encontrava na referida praia, aparentemente de boa saúde.

Apesar de ter recusado o apoio do INEM, o tripulante aceitou posteriormente ser transportado pela Polícia Marítima ao Centro de Saúde para observação.

Constatou-se que se tratava de uma embarcação de recreio, com cerca de 4 metros de comprimento, a qual não tinha registo e que se encontrava a largar uma rede de emalhar (arte de pesca profissional), com cerca de 200 metros de comprimento, na zona de rebentação da referida praia, e que terá sido colhido pela ondulação.

Por não possuir registo da embarcação válido, por se tratar de uma embarcação de recreio e por não possuir licença para exercer a atividade com a arte de pesca profissional, a embarcação, que deu de imediato à praia, bem como a arte de pesca, foram apreendidas como meio de prova e medida cautelar, sendo elaborado o respetivo auto de notícia.