MEDIA CENTER

Autoridade Marítima efetua dois resgates no mesmo dia em Cascais

19 FEV 2018 15:02

O Capitão do Porto e Comandante-local da Polícia Marítima de Cascais coordenou, no dia 17 de fevereiro, duas ações de regate a praticantes de desportos de deslize, em Cascais.

​Na 1ª operação, sequência de um alerta local recebido pelas 11h13, na Praia da Parede, foi resgatado um cidadão de 51 anos que, na prática da modalidade de “stand up paddle”, deslocou o ombro direito, ficando a pairar na água em cima da prancha fora da zona de rebentação da vaga, consciente e acompanhado de outros surfistas que o auxiliavam.

De imediato foram empenhados dois agentes da Polícia Marítima e uma semirrígida com dois tripulantes da Estação Salva-Vidas do Instituto de Socorros a Náufragos (ISN), para proceder ao resgate.

Assegurado o seu transporte até à Marina de Cascais, o cidadão foi observado por uma equipa dos Bombeiros Voluntários de Cascais, que haviam sido mobilizados pelo Centro de Orientação de Doentes Urgentes (CODU), tendo sido posteriormente transportado para o Hospital de Cascais.

No 2º resgate, o alerta local foi dado às 16h10, na Praia das Moitas, onde outro cidadão de 17 anos, que se encontrava a praticar a modalidade surf e que por exaustão, acabou por se segurar a uma rocha a oeste do pontão, ficando exposto aos efeitos da agitação marítima que se faziam sentir no local, não conseguindo sair pelos próprios meios.

Nessa sequência foi decidido empenhar novamente os meios da Polícia Marítima, sendo que desta vez, se optou por empenhar a mota de água de salvamento da Estação Salva-Vidas do ISN, atendendo ao facto de o jovem se encontrar numa zona rochosa e de difícil acesso por embarcação semirrígida.

Também este resgate foi realizado com sucesso, através da colaboração com outro surfista que se encontrava no local.