MEDIA CENTER

Balanço da época balnear maio – junho 2016

1 JUL 2016 00:07

Resumo dos acidentes diretamente relacionados com a prática balnear verificados durante o período de 1 de maio a 30 de junho de 2016 nas áreas de Jurisdição Marítima: Zonas marítimas não vigiadas – 02 casos; Praias fluviais vigiadas – 01 caso; Zonas fluviais não vigiadas – 01 caso; Praias marítimas vigiadas – nada a registar.

​Moldura Jurídica: Épocas balneares, fixadas conforme a Portaria n.º 154-C/2016 de 1 junho 

Período de 01 de maio a 30 de junho (primeiros 2 meses) – 04 Casos mortais​


 

a) Praias marítimas vigiadas de jurisdição marítima - Nada a registar


 

b) Zonas marítimas não vigiadas de jurisdição marítima – 02 casos​

Data/horaCapitaniaPraiaSexoIdadeNacionalidadeCausa
10jun/18h43VRS AntonioPraia dos três PauzinhosM16PortuguesaAfogamento
27jun/17h00Vila do CondeZona perto da Azurara F14PortuguesaAfogamento


 

c) Praias fluviais vigiadas de jurisdição marítima – 01 caso​

Data/horaCapitaniaPraiaSexoIdadeNacionalidadeCausa
27jun/19h00DouroCrestumaM20PortuguesaAfogamento


 

d) Zonas fluviais não vigiadas de jurisdição marítima – 01 caso​

Data/horaCapitaniaLocalSexoIdadeNacionalidadeCausa
23jun/18h43LisboaZona do oceanário de lisboaM17PortuguesaAfogamento


 

1. Atividade operacional dos nadadores salvadores nas praias vigiadas/planos integrados implementados:

a) Praias vigiadas por nadadores salvadores nas concessões – 134 intervenções

b) Praias não concessionadas abrangidas por sistemas integrados implementados – 147 intervenções

c) Assistência a 1.ºsocorros – 198 assistências

d) Busca a crianças perdidas – 12 buscas com sucesso a crianças perdidas na praia

 

2. Projectos da AMN - ISN na vertente da responsabilidade social com os parceiros:

a) Projeto “Amarok” - SIVA Portugal – 26 carrinhas atribuídas

I. Salvamentos –84 intervenções

II. Assistências a 1.º Socorros – 167 assistências

III. Buscas a crianças – 7 buscas com sucesso a crianças perdidas na praia


 

b) Projeto Fundação Vodafone – Motos de água de salvamento marítimo – 02 unidades

I. Salvamentos – 01 salvamentos


 

c) Projeto Fundação Vodafone motos 4x4 de assistência a banhistas – 14 unidades

I. Salvamentos – 21 intervenções

II. Assistência a 1.º Socorros – 87 assistências

III. Buscas a crianças – 01 caso


 

3. Campanhas  de sensibilização desenvolvidas desde 01 de Janeiro de 2016:

I. Solicitações das Autarquias e Escolas do ensino básico – 11 ações

II. “Verão Campeão” com o apoio da Fundação Vodafone nas praias – 26 ações

III. “Surf Salva” com o apoio do Lidl Portugal – 23 ações 


 

4. Certificações emitidas para o exercício da atividade profissional desde 01 janeiro de 2016

a) Nadadores-salvadores – 2105 certificações emitidas pelo ISN

i. Certificações no âmbito dos cursos de nadador-salvador (07 Escolas reconhecidas) – 1515 NS

ii. Certificações no âmbito dos exames específicos – 590 NS

b) Meios complementares de salvamento

I. Motos de salvamento marítimo – 29 certificações

II. Motos 4x4 – 53 certificações

III. Viaturas 4x4 – 45 certificações

IV. Embarcações de pequeno porte – nada a referir


 

5. Observações 

I. Durante o mês de junho foram desenvolvidas diligências pela Autoridade Marítima junto da tutela, com o objetivo da possível alteração da Portaria nº 311/2015, flexibilizando a utilização de NS nas piscinas, uma vez que as qualificações exigidas de vigilância e reação nestas, diferem substancialmente das necessárias em mar aberto, que veio a originar a publicação da Portaria n.º 168/2016 de 1 de junho, permitindo a redução da necessidade de Nadadores-salvadores nas piscinas com a maior garantia de concentração destes onde são, neste período de época balnear, realmente necessários, isto é, nas praias;

II. Decorre atualmente o concurso público para o ingresso de 26 vagas para a carreira de tripulantes de embarcações salva-vidas do ISN, convidando-se todos os interessados a consultar: http://www.amn.pt/ISN/Paginas/ConcursosISN.aspx