MEDIA CENTER

Resgate praticantes de parapente após queda no miradouro da praia da Cordoama

10 JUN 2016 20:06

O Capitão do Porto e Comandante-local da Polícia Marítima de Lagos coordenou hoje, dia 10 de junho, desde as 12h30, as ações de resgate a dois praticantes de parapente, que sofreram uma queda devido ao forte vento que se fazia sentir na zona do miradouro da praia da Cordoama, em Vila do Bispo.

​O alerta foi recebido através do Centro de Coordenação de Busca e Salvamento Marítimo de Lisboa (MRCC Lisboa), tendo sido de imediato empenhados para o local, dois militares da Marinha, a prestar serviço na Autoridade Marítima, durante a época balnear, integrados no projeto “Sea Watch”, com uma viatura todo-o-terreno e dois agentes com uma viatura do Comando-local da Polícia Marítima de Lagos.

Os militares foram os primeiros a chegar ao local e prestaram o auxilio a um dos indivíduos sinistrados, tendo verificado que se encontrava bem de saúde e sem necessitar de cuidados médicos. Imediatamente e em conjunto com uma ambulância do INEM, deslocaram-se para o local onde estaria presumivelmente o outro sinistrado, tendo sido detetado num local de densa vegetação e de difícil acesso para veículos motorizados.

Em conjunto com os agentes da Polícia Marítima e os Bombeiros Voluntários de Vila do Bispo, conseguiram chegar ao sinistrado que apresentava muitas queixas ao nível dos membros inferiores e do tórax, tendo sido efetuada a sua imobilização numa maca rígida e transportado para um local seguro, de forma a ser observado por uma equipa médica.

As operações terminaram pelas 14h00, tendo ​um dos praticantes, de nacionalidade francesa, sido transportado para o hospital de Portimão, com prognóstico reservado.