MEDIA CENTER

Descobertas ossadas humanas em Troia

15 JAN 2019 13:01

Ontem, cerca das 11h30, o Comando-local da Polícia Marítima de Setúbal recebeu um telefonema de uma equipa de arqueólogos que se encontrava a realizar trabalho de campo, informando que teriam encontrado ossadas humanas na crista do areal da Ponta do Verde, nas imediações da Caldeira de Troia, no Estuário do Sado.

​Uma equipa da Polícia Marítima deslocou-se de imediato para o local, onde confirmou o achado, tendo de pronto isolado o local e realizado as medidas cautelares de polícia.

Conforme protocolo estabelecido, foi contactado o Ministério Público de Grândola, o Delegado de Saúde, e a Polícia Judiciária de Setúbal.

Uma equipa da Polícia Judiciária (PJ) deslocou-se ao terreno para proceder ao exame local e efetuar a inspeção judiciária.

Terminada a inspeção por parte da PJ, os Bombeiros Voluntários de Grândola, acompanhados por uma equipa da Polícia Marítima, procederam ao transporte das ossadas para o Instituto de Medicina Legal e Ciências Forenses – delegação do Sul, localizado em Lisboa.

O processo irá agora prosseguir os seus trâmites legais, com a realização de perícias médico-legais e forenses, de modo de tentar identificar as ossadas.