MEDIA CENTER

Polícia Marítima resgata 36 migrantes na Grécia (c/Vídeo)

29 OUT 2018 16:10

A equipa da Polícia Marítima em missão na ilha grega de Lesbos resgatou esta madrugada 36 migrantes, que se encontravam a bordo de um bote sobrelotado em águas gregas.

​O grupo era constituído por 16 crianças, sete mulheres (uma das quais grávida) e 13 homens, todos de nacionalidade afegã.

Pelas 01h10 da madrugada, a equipa da Polícia Marítima a bordo da embarcação "Tejo" recebeu uma informação de que um bote de migrantes se dirigia para a sua área de operação.

Esta informação foi, de imediato, passada à Viatura de Vigilância Costeira (VVC), que pelas 01h15 detetou o referido bote e passou as coordenadas da posição aos elementos da embarcação "Tejo", que efetuaram a interceção aquando da entrada do bote em águas gregas.

Pelas 01h46, a equipa da Polícia Marítima iniciou o trânsito para o porto de Skala Skamineas, com todos os migrantes a bordo.

O grupo de 36 migrantes desembarcou em segurança, pelas 02h47, no porto de Skala Skamineas, tendo sido entregue às autoridades gregas.

Desde o início do ano, a Polícia Marítima já salvou 660 vidas nas águas do mar mediterrâneo, no âmbito da missão POSEIDON 2018.

A Polícia Marítima encontra-se integrada na operação POSEIDON, sob égide da agência europeia FRONTEX e em apoio à Guarda Costeira grega, com o objetivo de controlar e vigiar as fronteiras marítimas gregas e externas da União Europeia, no combate ao crime transfronteiriço, no âmbito das funções de guarda costeira europeia.

 

NO MAR, MAIS ALÉM, POR BEM.

VER VÍDEO