MEDIA CENTER

Autoridade Marítima Nacional e Marinha alertam para o agravamento do estado do mar e reforçam dispositivo de vigilância

23 MAR 2018 19:03

A Autoridade Marítima Nacional e a Marinha vão reforçar a vigilância das zonas costeiras a partir deste fim-de-semana, altura em que se iniciam as férias da Páscoa e para o qual está previsto o agravamento do estado do mar.

Este reforço visa um incremento no patrulhamento das zonas costeiras, prevenindo eventuais situações de risco incidindo, em particular, nas praias que nesta altura da Páscoa registam uma maior afluência.

Este reforço será efetivo em várias zonas do continente através de oito veículos todo-o-terreno da Autoridade Marítima Nacional, quatro viaturas Amarok disponibilizadas pela SIVA Portugal, 20 militares da Marinha com formação específica em nadador-salvador e condução de veículos todo-o-terreno, e ainda o apoio da Vodafone nas comunicações que serão disponibilizadas a estes elementos durante a missão.

Assim, a Autoridade Marítima Nacional e a Marinha recomendam à população, em particular na zona norte do continente, a adoção de medidas de precaução devido à previsão de agravamento do estado do mar nas próximas 48 horas.

Recomenda-se o reforço da amarração e vigilância apertada das embarcações atracadas e fundeadas, bem como evitar passeios junto ao mar, de onde se destacam os molhes das entradas das barras e zonas nas praias junto à água.

Com a eventual melhoria das condições meteorológicas na próxima semana, alerta-se igualmente a população para os cuidados a ter nestas áreas e para a importância da adoção de um comportamento de segurança, tendo em conta que o mar nesta época do ano é ainda um mar de inverno, e as praias e zonas de costa apresentam risco elevado devido aos efeitos da agitação marítima que se tem verificado nos últimos tempos.