MEDIA CENTER

Resgatado corpo do jovem nas águas do troço internacional do rio Minho

2 MAI 2016 13:05

O Comando-local da Polícia Marítima de Caminha participou, ao final do dia de ontem e na manhã de hoje, dia 1 e 2 de maio respetivamente, numa operação internacional de busca e salvamento, coordenada pelo Comandante Naval del Miño, com o objetivo de recuperar o corpo de um jovem, que desapareceu às 18h30 desse dia, na margem Espanhola do rio Minho, em Salvaterra do Minho, a cerca de 1000 metros a montante da ponte internacional, que une as localidades de Monção e Salvaterra do Minho.

O alerta do desaparecimento do jovem, de 19 anos e nacionalidade Portuguesa, natural de Monção, que terá caído ao rio Minho, foi dado pelas 19h00, tendo sido desenvolvidas buscas nas duas margens e no espelho de água até perto das 21h00, altura em que as mesmas foram interrompidas por falta de visibilidade.

O corpo do jovem desaparecido foi recuperado às 06h50 de hoje pela Armada Espanhola, nas águas do Troço Internacional do Rio Minho, junto ao local onde foram encontrados, no dia anterior, os objetos pessoais do jovem. O corpo foi transportado para a margem portuguesa, onde a Polícia Maritima do Comando-local de Caminha tomou conta da ocorrência e contactou o Ministério Público e o Delegado de Saúde.

O corpo foi transportado pelos Bombeiros Voluntários de Monção para o Instituto de Medicina Legal de Viana do Castelo, acompanhado pelos agentes da Polícia Marítima. 

Nas operações de resgate estiveram envolvidos os meios da “Comandancia Naval del Miño”, da lancha da Armada Espanhola “Cabo Fradera”, dos bombeiros de Porriño, Monção, Proteção Civil, Guardia Civil, GNR e Polícia Marítima.

O Comandante Naval del Miño e o Capitão do Porto e Comandante-local da Polícia Marítima de Caminha são os responsáveis por dirigir operacionalmente as ações de busca e salvamento no Troço Internacional do Rio Minho, contribuindo para o êxito das missões os níveis de treino, conhecimento da área e relação fluída existente entre as várias entidades.​