MEDIA CENTER

SEDN no sul para conhecer missões FRONTEX na área A1

19 FEV 2016 09:02

O Secretário de Estado da Defesa Nacional (SEDN), Dr. Marcos Perestrello, acompanhado pelo Chefe do Estado-maior da Armada e Autoridade Marítima Nacional, Almirante Luís Macieira Fragoso e pela Diretora Nacional do SEF, Drª Luísa Maia Gonçalves, visitaram ontem, dia 18 de fevereiro, o Comando de Zona Marítima do Sul e Comando Regional da Polícia Marítima do Sul, no âmbito da realização da missão da agência FRONTEX na área A1.

​O Secretário de Estado da Defesa Nacional assistiu à apresentação de diversos briefings por parte do Comando Naval e do Comando-geral da Polícia Marítima, onde foi explicada a missão e apresentados os dados estatísticos mais relevantes das missões FRONTEX já realizadas. 

As apresentações foram dedicadas aos temas "A Marinha Portuguesa nas operações da Agência FRONTEX", pelo Capitão-tenente Madaleno Galocha do Comando Naval, o "Exercício da Autoridade do Estado no mar", pelo Diretor-geral da Autoridade Marítima e Comandante-geral da Polícia Marítima, Vice-almirante António Silva Ribeiro e o "FRONTEX Área A1" onde, pelo Comandante de Zona Marítima do Sul e Comandante Regional da Polícia Marítima do Sul, Capitão-de-mar-e-guerra José Isabel, foi abordada a operacionalização e o produto das missões FRONTEX na área A1 (Algarve).

Ainda durante o dia, a comitiva acompanhou a operação em curso na área A1 (Algarve) da European Patrols Network (EPN), onde estiveram envolvidos meios do dispositivo naval padrão da Marinha e meios atribuídos aos Comandos-locais da Polícia Marítima, sob a coordenação do Comando Regional da Polícia Marítima do Sul.

Estiveram envolvidas duas Lanchas de Fiscalização Rápida (LFR) da Marinha, bem como quatro Embarcações de Alta Velocidade (EAV) e quatro viaturas todo-o-terreno da Polícia Marítima.

Esta Rede Europeia de patrulhas marítimas, um projeto da agência Frontex, tem como objetivo detetar e abordar embarcações utilizadas em ações de imigração ilegal ou em tráfico de seres humanos.​