MEDIA CENTER

Operação de busca e Salvamento no Tejo junto à Praia da Giribita (ATUALIZAÇÃO)

18 FEV 2016 19:02

Foram suspensas por hoje as buscas da criança de 4 anos que se encontra desaparecida no Rio Tejo desde segunda-feira à noite, na Praia da Giribita, na Estrada Marginal entre Oeiras e Caxias. Durante a tarde, num nova tentativa de encontrar o corpo, os mergulhadores forenses da Polícia Marítima procuraram em toda a zona rochosa junto à margem, no local do desaparecimento.

​Com o passar das horas, reduzem as probabilidades de encontrar o corpo. No entanto, as operações, sob coordenação do Capitão do Porto e Comandante-local da Polícia Marítima de Lisboa, vão continuar, iniciando novamente amanhã às 07h30, numa área mais alargada. Durante o período diurno, duas embarcações irão patrulhar a jusante da ponte 25 de abril, bem como, por terra, irão estar patrulhas da Polícia Marítima ao longo da margem norte do rio Tejo e na Costa da Caparica e Fonte da Telha.

As equipas de buscas são compostas por vários elementos do Instituto de Socorros a Náufragos (ISN), da Capitania e da Polícia Marítima (PM), apoiados pelas embarcações de Lisboa e Cascais.

Recorda-se que as buscas já decorrem desde segunda-feira às 21h05, altura em um popular deu o alerta, informando que uma mulher estaria a sair da água em pânico e estado avançado de hipotermia. A mulher, de 37 anos, foi assistida no local pelo INEM e encaminhada para o Hospital São Francisco Xavier em Lisboa, referindo apenas que estariam desaparecidas as duas filhas, de 19 meses e 4 anos.

Mais tarde, foi encontrada a criança de 19 meses em paragem cardiorrespiratória. Foram realizadas as manobras de reanimação durante vários minutos pelos bombeiros e INEM que se encontravam no local, no entanto, sem efeito, acabando a criança por falecer no areal.​​