MEDIA CENTER

Autoridade Marítima Nacional auxilia tripulantes de embarcação encalhada na praia da Gala na Figueira da Foz

9 NOV 2018 18:11

O Capitão do Porto da Figueira da Foz, em articulação com o Centro de Coordenação de Busca e Salvamento Marítimo de Lisboa (MRCC – Lisboa), coordenou durante a noite de 08 de novembro, uma operação de salvamento à embarcação de recreio do tipo catamaran “DREAM ON”, de bandeira inglesa, com três tripulantes a bordo, que declarou emergência motivada por uma falha da propulsão, quando se encontrava numa fase de aproximação final ao porto da Figueira da Foz.

​O alerta foi dado pelo Centro de Coordenação de Busca e Salvamento Marítimo de Lisboa e pelo Comando Distrital de Operações de Socorro de Coimbra, cerca das 20H35, tendo sido, de imediato, acionado o Salva-vidas de grande capacidade "Patrão Macatrão", da Estação Salva-vidas da Figueira da Foz, para a proximidade da embarcação, entretanto encalhada na Praia da Gala, e empenhado, por terra, o piquete da Polícia Marítima com veículos todo o terreno.

Não tendo sido possível a aproximação dos meios de salvamento pelo mar, devido à forte agitação marítima que se faz sentir ao longo da costa oeste de Portugal desde o final da tarde de terça-feira, encontrando-se a barra do porto da Figueira da Foz, por este motivo, encerrada a embarcações com comprimento inferior a 35 metros, os meios de socorro da Autoridade Marítima, complementados com meios dos Bombeiros Municipais e Bombeiros Voluntários da Figueira da Foz, e por populares que se encontravam junto ao local, procederam ao resgate dos três tripulantes pela praia.

Efetuado o resgate dos náufragos, em segurança, e garantido o seu transporte por ambulância para o Hospital Distrital da Figueira da Foz, o Capitão do Porto da Figueira da Foz conduziu os trabalhos de estabilização da embarcação encalhada, tendo sido efetuado o seu reboque para zona da praia fora da influência das marés, tendo sido iniciados os contactos necessários à sua remoção urgente do local, em antecipação ao agravamento da agitação marítima, previsto ocorrer durante o próximo fim de semana.

O respetivo processo de sinistro marítimo corre agora os seus trâmites legais, sendo que a Autoridade Marítima irá proceder às necessárias diligências para o apuramento das causas do acidente.