MEDIA CENTER

Estação Salva-vidas resgata paquistanês após queda em navio ao largo de Sesimbra

31 OUT 2017 17:10

O Comando-local da Polícia Marítima de Setúbal foi contactado ontem, dia 30 de outubro, cerca das 10h40, pelo agente de navegação do navio SONANGOL GIRASSOL, informando que um elemento da guarnição deste navio havia embatido com a cabeça, na sequência de uma queda a bordo, necessitando assistência médica.

​De imediato o Comando-local da Polícia Marítima contactou o Centro de Coordenação de Busca e Salvamento Marítimo de Lisboa (MRCC Lisboa). Após a avaliação  clinica do INEM – Centro Orientação Doentes Urgentes Mar, a evacuação foi considerada como  urgente através do método mas rápido.

O Capitão de Porto e Comandante-local da Polícia Marítima ativou de imediato a saída  da embarcação SR29 da Estação Salva-vidas de Sesimbra, que navegou em direção ao navio SONANGOL GIRASSOL, a navegar a 7,5 milhas náuticas do porto de Sesimbra.

O resgate do marítimo foi efetuado pela tripulação da Estação Salva-vidas de Sesimbra, tendo o ferido desembarcado no porto de Sesimbra pelas 12h50.

No cais aguardavam uma equipa no INEM com VMER, uma ambulância dos Bombeiros Voluntários de Sesimbra e ainda uma equipa da Polícia Marítima.

O doente foi estabilizado no local e seguiu para o hospital S. Bernardo em Setúbal cerca das 13h15. Foi identificado como sendo cidadão paquistanês, com 38 anos. Por se tratar de um cidadão estrangeiro, a Polícia Marítima informou o SEF e a Embaixada Paquistanesa.

O SONANGOL GIRASSOL navega com pavilhão das Bahamas, tem 273 metros de comprimento e tem previsão de atracar em Setúbal dia 1 de novembro.