MEDIA CENTER

Estação Salva-vidas apoia nadador em situação de perigo e evita que veleiro embata na ponte Luiz I no rio Douro

8 MAI 2017 17:05

A Estação Salva-vidas do Douro, de prevenção no mar com uma embarcação semirrígida ontem, dia 7 de maio, interveio a dois pedidos de socorro, pelas 17h00. O primeiro, relativo a um cidadão estrangeiro em dificuldades ao tentar atravessar o rio Douro a nado e, o segundo, a um veleiro, o qual, por se encontrar sem governo devido a um cabo preso no hélice, corria o risco de colidir com o tabuleiro da ponte Luiz I.

​No primeiro caso, o cidadão estrangeiro, do sexo masculino, encontrava-se a atravessar a nado o rio Douro, da margem de Vila Nova de Gaia para a margem do Porto, colocando-se numa situação de perigo, tendo em conta as fortes correntes, uma constante deste curso de água, associadas ao desconhecimento da zona, bem como à falta de preparação física. A rápida intervenção dos elementos da estação salva-vidas, permitiram resgatar o indivíduo em segurança.  

Numa segunda ocorrência, foi necessário acudir a um veleiro com cerca de 15 metros e 4 adultos a bordo, que se encontrava sem governo e em risco de colidir com o tabuleiro inferior da ponte Luiz I. Assistido, o veleiro foi rebocado em segurança para a Marina da Afurada, a fim de ser reparado e alvo das necessárias vistorias por parte da Autoridade Marítima Local, que garantam as condições de segurança para navegar. 

Para além da tripulação da Estação Salva-vidas do Douro, participaram igualmente nestas operações de socorro, coordenadas pelo Capitão do Porto do Douro, elementos do Comando-local da Polícia Maritima do Douro. ​