MEDIA CENTER

Marinha e Autoridade Marítima garantem resposta eficaz a naufrágio de embarcação de pesca em Setúbal

20 JAN 2017 10:01

O Centro de Coordenação de Busca e Salvamento Marítimo de Lisboa (MRCC Lisboa), em articulação com o Capitão do Porto de Setúbal, garantiu, na madrugada de hoje, dia 20 de janeiro, uma rápida assistência de três pescadores da embarcação de pesca “Joana e Isabel”, de 11 metros de comprimento, que naufragou e se afundou junto à rebentação da praia da Comporta, em Setúbal.

​​O Sistema de alerta e resposta da Marinha e da Autoridade Marítima Nacional responderam com eficácia, após ter sido recebido o alerta no piquete da Polícia Marítima de Setúbal, cerca das 05h30. De imediato, a Polícia Marítima do Comando-local de Setúbal e o INEM deslocaram-se para o local, tendo os três pescadores, que se encontravam na praia, sido assistidos e transportados em situação estável para o centro de saúde de Alcácer do Sal. Foi também, de imediato, ativada a embarcação salva-vidas de Sesimbra, que se deslocou para o local do sinistro.

A ação desenvolveu-se em coordenação com o posto local da Guarda Nacional Republicana, por solicitação da Capitania do Porto de Setúbal, dado que quando foi recebido o alerta os sinistrados já se encontravam na praia, permitindo assim um  auxílio mais rápido a uma situação de potencial perigo (hipotermia).

Por constituir perigo à navegação, a Marinha e a Autoridade a Marítima emitiram um aviso geral, para alertar os navegantes da posição da embarcação encalhada e não sinalizada.​

​​​