MEDIA CENTER

Investigação Criminal da Polícia Marítima apreende 1450 Kg de amêijoa japónica

19 MAI 2016 12:05

O Serviço de Investigação Criminal do Comando Regional da Polícia Marítima do Centro procedeu ontem, dia 18 de maio, à apreensão de cerca de 1450 Kg de amêijoa japónica no rio Tejo, em São João da Talha, na zona da Bobadela.

​A operação ocorreu depois de ter sido detetada a descarga ilegal de 4 embarcações para uma viatura, em zona ribeirinha da Póvoa de Santa Iria. Para além da apreensão da amêijoa, foi ainda apreendida uma viatura e outros elementos probatórios, que permitiram à Polícia Marítima obter indícios sobre o destino do produto ilegal. Foi também constituído um arguido, indiciado pela prática de diversos ilícitos de natureza criminal e contraordenacional, ligados a esta atividade ilegal. 

Desde o início de 2015,  a Polícia Marítima tem centrado a sua ação em desmantelar estruturas ilícitas ligadas à atividade de apanha de amêijoa japónica, no rio Tejo. Neste combate à atividade ilegal de apanha e comércio de bivalves, foram apreendidos desde o ano passado, mais de 17 toneladas de amêijoa japónica, 6 viaturas e 14 embarcações, bem como efetuadas buscas em 3 armazéns ilegais de aquisição e expedição de bivalves. Neste período foram constituídos 8 arguidos em processos-crime.​