MEDIA CENTER

Polícia Marítima de Aveiro apoia cidadão desempregado

10 OUT 2016 13:10

O Comando-local da Polícia Marítima de Aveiro, no decurso de uma ação de fiscalização para deteção de ocupação e utilização abusiva do Domínio Público Marítimo (DPM), deparou-se, ontem, dia 09 de outubro, com a existência de um indivíduo do sexo masculino, de nacionalidade portuguesa, a viver acampado, na margem da Ria de Aveiro, em situação muito precária.

A Polícia Marítima de Aveiro contactou de imediato os serviços de Ação Social da Câmara Municipal de Ílhavo e do Instituto da Segurança Social, Centro Distrital de Aveiro, a informar desta situação e a disponibilizar-se para a procura de uma rápida solução para a delicada situação encontrada.  

Pelo conhecimento que detém da sua área de jurisdição e da variedade dos alojamentos locais existentes, foi possível à Polícia Marítima de Aveiro ajudar na obtenção de um alojamento condigno, dentro das possibilidades financeiras do cidadão.

A Capitania do Porto de Aveiro, atenta à questão social evidenciada, tratando-se de um pescador de 48 anos, desempregado, procedeu à regularização da sua inscrição marítima e renovação da cédula de inscrição marítima, garantindo-lhe os requisitos necessários à procura de um posto de trabalho numa embarcação de pesca.  

​As infraestruturas precárias encontradas junto à ria foram entretanto desmanteladas e retiradas do local.