MEDIA CENTER

Exercício de Salvamento Marítimo na barra do porto da Figueira da Foz

19 SET 2016 18:09

Durante a tarde do dia 14 de setembro, a Capitania do Porto da Figueira da Foz realizou um exercício de salvamento marítimo, com vista a treinar os procedimentos vertidos no plano de emergência de salvamento para a barra do porto da figueira da foz.

​Todo o exercício foi realizado de acordo com o seguinte cenário:

O Capitão do Porto da Figueira da Foz, por razões de segurança, devido à agitação marítima adversa, ordenou o fecho da Barra às 14h30 desse dia, condicionando a entrada/saída de embarcações/navios com comprimento superior a 35 metros, promulgando o respetivo aviso à navegação através de canal de comunicação rádio em banda marítima. 

Pelas 15h00, o sistema de radar e vigilância “COSTA SEGURA” detetou um contacto radar de uma embarcação de recreio a dirigir-se para a entrada da barra. De imediato, a Polícia Marítima tentou estabelecer comunicações via rádio com a embarcação, conseguindo falar com o skipper, informando-o que a barra se encontrava fechada e que se devia afastar da zona por ser extremamente perigoso tentar entrar com aquelas condições. Entretanto, a embarcação de recreio, com 4 tripulantes a bordo, já muito perto da entrada da barra, sofreu um golpe de mar e virou-se. 

Através da câmara de vigilância do radar “Costa Segura”, foi possível verificar que dois dos tripulantes foram projetados para fora da embarcação, tenho sido arrastados pela corrente para a zona da rebentação, perto do molhe exterior Sul, enquanto um permanecia em cima do casco da própria embarcação gesticulando, pedindo socorro, enquanto o outro conseguira entrar para dentro da balsa salva-vidas. Todos eles envergavam o colete salva-vidas. 

Perante as evidências, o Capitão do Porto e Comandante-local da Polícia Marítima ativou o Plano de Emergência de Salvamento da Barra, tendo direcionado para o local todos os meios de socorro disponíveis.

Neste exercício participaram um total de 33 efetivos, com os seguintes meios: a embarcação salva-vidas “Patrão Macatrão” e a semirrígida “SR-42” da Estação Salva-vidas do ISN; 2 semirrígidas, 1 bote, 2 motos de água, 1 viatura TT Pick-up e 1 moto-4 da Polícia Marítima; 1 viatura da PSP; 1 Embarcação da APFF (Pilotagem); 1 veículo de comando, 1 veículo de socorro tático dos Bombeiros Municipais e 1 ambulância da Cruz Vermelha Portuguesa.